Páginas

domingo, 15 de setembro de 2013

Crystal 3D Autoligado

Hoje vamos falar um pouco mais sobre o aparelho AUTOLIGADO CRYSTAL 3D.

Este aparelho foi desenvolvido pela Self Ligating University, e cada vez mais tem conquistado pacientes e ortodontistas devido a sua excelente estética e por ser autoligado!


AUTOLIGADO CRYSTAL 3D
Este aparelho tem em sua composição fibra de vidro, que lhe dá uma característica quase invisível, e além disso é o único aparelho autoligado TOTALMENTE estético, ou seja, sem "Clipe" metálico!

Autoligado estético com clipe metálico


Exemplo de Autoligado estético com "Clipe Metálico"

Observe que apesar de estético o fechamento do aparelho é com clipe metálico deixando a desejar na parte estética!



O Aparelho Crystal 3D como o próprio nome diz, tem um design 3D, com menos locais de irritação da mucosa oral (bochechas e lábios), fazendo com que o tratamento seja o mais indolor possível.

Além disso, este quando utilizado com fios termo ativados (tecnologia da Nasa) gera uma movimentação dental mais rápida e muito mais confortável, diminuindo o tempo de uso!


Veja o vídeo da colagem do CRYSTAL 3D em um paciente...




Além dos tradicionais aparelhos de Porcelana e Safira, nosso consultório conta também com esse aparelho que tem como característica ser " invisivelmente rápido". 

Se quiser saber mais sobre as vantagens dos aparelhos autoligados em relação aos convencionais, leia o post Diferenças entre aparelhos autoligados e convencionais.

Qualquer dúvida ou sugestão estou a disposição







domingo, 8 de setembro de 2013

Diferenças entre Bandas Ortodônticas (Anéis) & Tubos Colados

Quase sempre ao fazer uma avaliação em meus pacientes, vem logo a pergunta:
 - "Doutor, vou ter que usar aquele anel, que todo mundo fala que machuca e dá cárie??"

Devido a esse grande número de pacientes que me perguntam isso, resolvi publicar este post, que visa esclarecer por completo esta dúvida!

Já adiantamos, que aqui no nosso consultório, a MAIORIA ABSOLUTA dos pacientes não usam as bandas ortodônticas, e sim os TUBOS COLADOS.

Para começar...

Os anéis ou bandas ortodônticas são peças metálicas cimentadas nos dentes para que o ortodontista possa colocar neles acessórios como tubos, ganchos, botões, braquetes, aparelhos ortopédicos, etc... Portanto a banda ortodôntica serve apenas para segurar o acessório. Ela ainda é muito utilizada por muitos ortodontistas.

Banda cimentada com tubo simples
Neste exemplo mostramos uma banda ortodôntica cimentada em um molar, para que possa segurar um tubo simples. 

A única função da banda aqui, é segurar o tubo.
A banda não serve para "apertar o aparelho", "travar o aparelho" ou ainda para "segurar o fio" no aparelho.

O fio ortodôntico será colocado dentro do tubo.



Curiosidade...

Antigamente, antes de existir a colagem direta (braquetes colados diretamente no dente), todos os dentes eram bandados com braquetes, sendo o tratamento muito mais sofrido e oneroso. Além disso o sorriso ficava extremamente prejudicado, com aspecto de "sorriso metálico".


Bandagem total dos dentes em um tratamento ortodôntico

Com a evolução das resinas de colagem, os aparelhos foram também evoluindo, deixando de usar as bandas ortodônticas para a colagem dos braquetes.
Porém até hoje, a maioria dos ortodontistas ainda utilizam as bandas ortodônticas nos dentes posteriores (dentes molares).

Observe as BANDAS nos molares segurando os TUBOS
E quanto as cáries???

Uma das maiores preocupações existentes quanto a colocação das bandas ortodônticas, é relativo às cáries que aparecem, quando as mesmas são retiradas, ao final do tratamento.

Um dos motivos de haver uma grande quantidade de cárie nos dentes bandados, era o material utilizado na cimentação das bandas.

O material utilizado era o cimento de fosfato de zinco. Este cimento apesar de utilizado até hoje, não libera flúor, o que colabora muito com o aparecimento de cáries.

Um outro aspecto relativo a maior quantidade de cáries, é a dificuldade de higienização do dente, que está com a banda. 

Esta falta de higiene, somada a um cimento sem liberação de flúor, e um descolamento da banda causada por um descuido com a alimentação (Balas, alimentos duros, grudentos, etc.) tem como resultado o aparecimento de cáries ao final do tratamento!





CARIE APÓS RETIRADA DE BANDA ORTODÔNTICA







Hoje, a maioria dos ortodontistas usam um cimento de IONÔMERO DE VIDRO, que libera flúor, e mesmo com as dificuldades de higienização, as cáries no final do tratamento diminuiram consideravelmente, mas ainda sim estão presentes.

Como são colocadas??

As bandas são cimentadas após os dentes serem afastados por um elástico ( que gera um certo desconforto ao paciente ). Veja a sequencia de vídeos abaixo:


  Separador elástico ortodôntico

  Bandagem após separação com elásticos


 E os Tubos Colados???

Atualmente existem resinas de qualidade superior que conseguem fazer a colagem dos tubos diretamente nos dentes posteriores. Esta evolução foi muito importante para o conforto, higienização e facilidade de tratamento aos pacientes.


Tubo colado diretamente ao dente
Diferença entre Banda Cimentada e Tubo Colado











Com os tubos colados aos dentes, praticamente não encontramos mais cáries no final do tratamento ortodôntico.

Mas atenção, se o paciente não colabora com o tratamento, muitas vezes temos que substituir o tubo colado pela banda ortodôntica, pois quando o tubo solta, pode atrasar consideravelmente o tratamento.


TUBO ESTÉTICO COLADO

Já contamos aqui no nosso consultório, com tubos estéticos colados! Além de terem todas as características dos tubos colados (sem bandas ortodônticas), são quase invisíveis!

Tubo Estético Colado

Qualquer dúvida estou a disposição